sexta-feira, 2 de novembro de 2012

58.ª Feira do Livro de Porto Alegre


QUERIDOS AMIGOS E AMIGAS GOSTARIA DE TER A HONRA DE RECEBÊ-LOS NA 58.ª FEIRA DO LIVRO DE PORTO ALEGRE      DIA 05 SEGUNDA-FEIRA ÀS 15H30. PARTICIPAREI DE UMA MESA REDONDA “ANDANÇAS PELO PAMPA” COM MAIS DOIS ESCRITORES GAÚCHOS, LOCAL: SALA LESTE, SANTANDER CULTURAL E ÀS 17H ESTAREI AUTOGRAFANDO MEU LIVRO “FRONTEIRA E PAMPA”      LOCAL: PRAÇA DE AUTÓGRAFOS. 

quarta-feira, 26 de setembro de 2012

sexta-feira, 17 de agosto de 2012

Radio Gaúcha

Estarei na Rádio Gaúcha de Porto Alegre, no Programa Galpão do Nativismo, com Dorotéo Fagundes de Abreu, no próximo domingo dia 19/08 das 07 às 09h da manhã.

sábado, 11 de agosto de 2012

Rádio Guaíba

Rádio Guaíba, programa Nos Quadrantes do Sul,                                                                                        com Maria Luiza Benitez, dia 11/08/2012.

sexta-feira, 10 de agosto de 2012

Rádio Guaíba

Estarei na Rádio Guaíba, Programa Nos Quadrantes do Sul, com Maria Luiza Benitez próximo sábado dia 11 das 6 às 8h da manhã! Te liga vivente.

sexta-feira, 3 de agosto de 2012

Prefeitura de Canoas

Prefeitura de Canoas corta merreca que seria para os artista de Canoas, na semana farroupilha, no Parque Eduardo Gomes.

sábado, 9 de junho de 2012

"Fronteira e Pampa"

Estarei autografando meu Livro "Fronteira e Pampa" na 28ª feira do livro de Canoas dia 14 às 17h no café literário, praça da bandeira.

sábado, 7 de abril de 2012

"Fronteira e Pampa"


                   Convite

Sentirei muita honra em poder contar
  com sua presença no lançamento
  de meu Livro: “Fronteira e Pampa” 

  Dia 05 de maio de 2012                               
  Horário: 20h30min    
  Local: Parque de eventos 
             Eduardo Gomes     
  Av: Guilherme Schell, 3600
  Em frente a estação Fátima
  Canoas – RS.  

         Favor confirmar presença.  

       Fernando Almeida Poeta
       Cel. 99758976    

quinta-feira, 8 de março de 2012

08 de março dia internacional da mulher


Pra ti Mulher

É pra ti mulher,
A pura essência da flor,
O símbolo da humanidade
Que foi feita do amor.
Força, charme, elegância,
Com sorriso encantador
Nas horas boas ou ruins
Sempre superando a dor.

Não existe mulher feia,
São diferenças naturais
Umas menos vaidosas
E outras que são fatais,
Loiras, negras, morenas,
Ruivas, índias, orientais
O que seria de nós
Se todas fossem iguais.

Seja vovó, mãe, tia,
Amiga, esposa ou namorada
Um homem sem mulher
Nesta vida não é nada,
Quando ao lado do homem
É parceira, amante, amada
Seguiremos para sempre
Unidos na mesma estrada.

Nossa Virgem Maria,
Santa mãe de Jesus,
Um dia também sofreu
Ao ver seu filho na cruz,
Ilumina nossas mães
Pro bom caminho conduz,
Para que não sofram tanto
Por quem deram à luz.

Amor de mãe é eterno,
E seu brilho incomparável,
Sua alma é pura
Seu esforço incansável,
É a soberana das jóias
Para o ciclo da vida
É assim que a comparo
Minha mãe querida.

Uma boa esposa
Todo homem sonha ter,
Esta mulher maravilha,
Motivo do meu viver
Às vezes me faz sorrir
Outras me faz sofrer,
De uma mulher eu nasci
Por uma mulher quero morrer.

Fernando Almeida Poeta